A BNCC não é a pílula mágica que vai resolver todos os problemas da Educação

Escrito por Caroline Santos Ligado . Publicado em XIV Conferência


Quando se coloca o debate de que uma Base Nacional Comum Curricular vai resolver os problemas estruturais da Educação é preciso ficar atento. Esse foi o alerta dado pela professora Carolina Nozella da Universidade Federal de Alagoas.

Para ela, não existe hoje saída para a melhoria da Educação que não perpasse para garantia de condições de trabalho para o magistério, melhoria da estrutura física das escolas, e condições de permanência das crianças e jovens no ambiente escolar. Todos estes fatores não dependem de currículo, mas sim de financiamento.

“Não dá para congelar os recursos por 20 anos e com pílula mágica da BNCC garantir a qualidade na Educação. Não é com currículo único que o abismo social entre ricos e pobres será resolvido”, apontou.