Confira como foi a Plenária Estadual do PPA Participativo em Sergipe

184

Por Iracema Corso – CUT/SE

Na luta por mais participação popular nas decisões políticas para a aplicação do recurso público do Governo Federal, a população de Sergipe lotou o Teatro Tobias Barreto na Manhã desta quinta-feira, dia 22 de junho, dia da Plenária Estadual do PPA Participativo.

Até o dia 14 de julho continuam acontecendo as caravanas estaduais e todos podem participar do Plano Plurianual Participativo 2024-2027. Cada cidadão pode votar em 3 propostas do Governo Federal, em 3 propostas da sociedade civil e também pode elaborar 3 propostas para serem votadas pela população brasileira. Para isso, basta acessar a plataforma digital https://brasilparticipativo.presidencia.gov.br , fazer o cadastro com seus dados pessoais e escolher as propostas.

Em Sergipe, a Plenária Estadual do PPA Participativo trouxe os ministros Simone Tebet, do Planejamento e Orçamento, Márcio Macedo, da Secretaria-Geral da Presidência da República e Waldez Góes, da Integração e Desenvolvimento, para o debate local que também contou com a presença do governador de Sergipe Fábio Mitidieri e do prefeito de Aracaju Edvaldo Nogueira.

Os movimentos sociais tiveram voz na Plenária Estadual do PPA Participativo representados por: Geovana Soares (LGBTQIA+), Joelma Dias (Marcha Mundial de Mulheres), Zé Roberto (MST), Maria do Movimento de Moradia (MTST), Trindade (Movimento Negro), Paulo Lira (CUT – Central Única dos Trabalhadores), Lizandra (Presidenta da União Sergipana dos Estudantes Secundaristas), Gabriela Cardoso (PcD, Ipaese), Cacique Bá do Povo Xokó, Alex Ferdeli (Movimento Estadual de Direitos Humanos) e Jorge Santana (Fórum Empresarial Sergipano).

Antes de começar a plenária, a CUT (Central Única dos Trabalhadores) e vários sindicatos de servidores públicos protestaram para que o governador Mitidieri revogue a reestruturação do Ipesaúde que onera os servidores públicos do Estado. Professores organizados no Sintese e no Sindipema, lutaram pela revogação do NEM (Novo Ensino Médio) que destrói a educação pública. Servidores da Prefeitura Municipal de Aracaju protestaram por mais transparência, democracia e respeito aos sindicatos, contra a terceirização e contra a desvalorização dos servidores públicos de Aracaju.

Na Plenária Estadual do PPA Participativo, o SINTESE, o SINDIPEMA e a CUT/SE entregaram uma Carta direcionada ao ministro dos Direitos Humanos, Sílvio Almeida, e a secretária executiva do Ministério da Educação, Izolda Celda, sobre o posicionamento do magistério no que diz respeito ao enfrentamento à violência nas escolas (acesse o link e confira).

Na Plenária, Joelma Dias, secretária de Organização e Política Sindical da CUT/SE e integrante da Marcha Mundial de Mulheres, defendeu a pauta feminista na Plenária Estadual do PPA Participativo.

Representando o movimento sindical de Sergipe, Paulo César Lira, secretário de Mobilização e Relação com Movimentos Sociais da CUT/SE soltou o verbo na Plenária Estadual do PPA Participativo, na manhã de hoje em Aracaju.

Paulo Lira foi aplaudido quando defendeu a volta da Petrobrás para Sergipe; o fim do novo ensino médio que não traz nenhum conhecimento para os estudantes da classe trabalhadora; e o fortalecimento do Ipesaúde com manutenção da alíquota de 4%. Paulo cobrou a implementação dos pisos de carreira profissionais “com condicionalidades aos estados e aos municípios, eles precisam seguir a regra”.

O dirigente sindical destacou a importância da política de pleno emprego no Brasil, com taxa de desemprego de 8%; e em Sergipe, que hoje tem taxa de desemprego de 11,9%. Paulo cobrou política de transferência de renda para desempregados; concurso público para o Inss; redução da taxa de juros do Banco Central; valorização dos servidores públicos federais; e fortalecimento das empresas estatais como política de governo.

Acesse os links abaixo para conhecer as propostas que já estão nas plataformas do Governo Federal e foram defendidas pelos representantes dos movimentos sociais de Sergipe:

Movimento LGBTQIA+ GEOVANA SOARES (ASSOCIAÇÃO E MOVIMENTO SERGIPANO DE TRANSEXUAIS E TRAVESTIS)
https://brasilparticipativo.presidencia.gov.br/processes/programas/f/2/proposals/3932 https://brasilparticipativo.presidencia.gov.br/processes/programas/f/2/proposals/3909 https://brasilparticipativo.presidencia.gov.br/processes/programas/f/2/proposals/3920

Movimento de Mulheres JOELMA DIAS (MARCHA MUNDIAL DAS MULHERES) https://brasilparticipativo.presidencia.gov.br/processes/programas/f/1/proposals/53

Movimento de Moradia MARIA (MOVIMENTO DOS TRABALHADORES SEM TETO DO BRASIL) https://brasilparticipativo.presidencia.gov.br/processes/programas/f/2/proposals/233

Movimento Sindical PAULO CÉSAR LIRA (CENTRAL ÚNICA DOS TRABALHADORES) link:https://brasilparticipativo.presidencia.gov.br/processes/programas/f/1/proposals/51

Movimento de Pessoas com Deficiência (PcD) GABRIELA CARDOSO (PcD – SURDA/MUDA – ALUNA DO IPAESE) https://brasilparticipativo.presidencia.gov.br/processes/programas/f/2/proposals/4186

Movimento Indígena CACIQUE BÁ (POVO XOKÓ) – https://brasilparticipativo.presidencia.gov.br/processes/programas/f/2/proposals/4172

Movimento de Direitos Humanos – ALEX FERDELI (MOVIMENTO ESTADUAL
DE DIREITOS HUMANOS)
link:https://brasilparticipativo.presidencia.gov.br/processes/programas/f/1/proposals/5