SINTESE vai a Maruim tratar de Fundef, 13º e terço de férias

123

No último dia 4 dezembro, o SINTESE esteve reunido com a Prefeitura de Maruim para tratar de pauta importante para o magistério municipal: Fundef, 13º salário e terço de férias. Foi informado na reunião que o município havia recebido dois créditos, o primeiro em maio de 2022 e o segundo em junho de 2023.

O SINTESE lembrou à gestão municipal que 60% desses valores deve ser rateado entre os professores que trabalharam na rede naquele período do Fundef, de 1998 a 2006, e que é necessário se criar um projeto de lei para explicitar todo o formato de repasse desses valores. “Assim como aconteceu em Indiaroba, o SINTESE está acompanhando todo o trâmite e dando suporte para que tudo flua corretamente e o que é de direito chegue a cada professor e cada professora que se enquadra neste benefício”, disse Emanuela Pereira, diretora de Bases Municipais do sindicato.

A prefeitura se comprometeu a organizar este formato e todas as informações necessárias e repassar ao SINTESE até a sexta, dia 8.

Diante disso, o SINTESE convoca professoras e professores da rede municipal de ensino de Maruim para assembleia na próxima quarta-feira, dia 13, às 10h, na Câmara Municipal. Neste dia serão passados a categoria os informes sobre os precatórios do Fundef.

13º e férias

Na ocasião, o sindicato aproveitou para cobrar da Prefeitura de Maruim informações sobre o pagamento do 13º salário e do terço de férias. “A gestão nos garantiu que o 13º será pago no dia 20 de dezembro. Já o terço de férias, eles devem nos responder até 12 de janeiro como será feito esse pagamento, se será na integralidade ou parcelado. Seguimos atentas e atentos”, informou Emanuela.

Participaram desta reunião: pelo SINTESE, as diretoras Emanuela Pereira, Rita de Cássia e Alaíde Paes e os assessores Hidelbrando Maia e André Mardegan; pela administração municipal, a secretária de Educação, Maria Eunice Andrade, o secretário de Controle Interno, Moacir Mota, o secretário de Finanças, José Américo, a secretária de Gabinete, Adriana Maynart, o secretário de Planejamento, Hugo Amaral, a secretária de Administração, Luciana Figueiredo, e o procurador Fernando Arimateia.