Canindé de São Francisco: SINTESE cobra convocação imediata de aprovados em concurso público para o magistério

145

Desde de junho de 2023, professoras e professores aprovados no concurso público para o magistério municipal de Canindé de São Francisco aguardam ser convocados para assumir seus postos de trabalho, mas até agora a prefeitura, que tem a frente o gestor Weldo Mariano, não realizou a nomeação.

Diante grande da necessidade de professoras e professores na rede municipal de ensino e mais de um ano de espera, o SINTESE tem cobrado de forma sistemática a nomeação imediata dos aprovados.

Por isso, na manhã de quinta-feira, dia 4, aconteceu uma audiência entre SINTESE, Sindiserve Canindé, comissão de provados e o prefeito Weldo Mariano para cobrar da gestão municipal a tão esperada nomeação.

Durante a audiência, a comissão de aprovado protocolou junto ao prefeito uma proposta de nomeação, de todas as vagas, de maneira gradativa com início a partir da próxima semana. A gestão municipal de Canindé ficou de dar um respostas até o fim do dia desta sexta-feira, 5.

Pautas das professoras e professores da rede municipal

Na audiência o diretor geral do SINTESE na região do Sertão, professor Cloverton Santos, também tratou sobre pautas do magistério municipal de Canindé e cobrou respostas sobre passivos de férias de 2020, Retroativos de piso e Precatórios do FUNDEF.

A gestão municipal informou que que ainda não realizou estudos completos e que iria sentar com o secretário de Educação para encaminhar proposta.

“Vamos seguir cobrando, vamos seguir na luta, tanto no que se refere a convocação dos novos concursados, como na pauta do magistério municipal de Canindé, pois ambas perpassam por valorizar e melhorar a qualidade da educação ofertada aos filhos dos trabalhadores de Canindé”, enfatiza o professor Cloverton Santos.