Japaratuba: professores cobram audiência para discutir revisão do piso

390

Um grupo de professores e professoras de Japaratuba, acompanhados de integrantes da coordenação da subsede Vale do Cotinguiba estiveram, na manhã desta quinta, dia 17, na sede da Prefeitura Municipal de Japaratuba.

O objetivo foi agendar pessoalmente uma audiência com a prefeita Lara Moura, já que a gestora não respondeu aos dois ofícios enviados pelo sindicato solicitando diálogo sobre a revisão do piso para 2022.

Depois de idas e vindas entre o gabinete da prefeita e a secretaria de Administração, pois nem a prefeita, nem a chefe de gabinete, nem o secretário de Administração estavam no prédio, a coordenação da subsede foi atendida pela chefe de Recursos Humanos, Maria Angélica Andrade (conhecida por Quinha), informou que até amanhã, 18, o sindicato será contatado para agendar a audiência.

“A lei é importante sim, mas é fundamental que também façamos a cobrança aos gestores na rua, pois só com luta se conquista algo”, afirma a coordenadora geral da subsede Vale do Cotinguiba, Rita de Cássia Santos de Oliveira.