A discussão sobre a valorização profissionais dos professores não é algo novo. Ela ressurgiu no cenário político brasileiro durante o processo de redemocratização, após a ditadura militar.

A UNESCO já elaborou, anos atrás, um documento sobre a importância da formação educacional dentro de um crescimento social e econômico de um país.

Ainda assim, após quase três décadas de tal documento, professores e professoras ainda precisam lutar para que seja feito o mínimo, aquilo que está em lei, e ter de volta sua valorização dentro da carreira.

Neste podcast, vamos conversar sobre como existe viabilidade financeira para que as coisas possam caminha frente ao tema, mesmo que isso não aconteça, e tentar entender os motivos de tamanha demora.